os peixes de bonito parece que posam pras fotos
início da flutuaçao pelo rio da prata Marina e eu na descida do rio formoso em bote infável
Como a maioria das pessoas, eu também tinha a maior desconfiança com as viagens de turismo em grupo, um nome novo pra excursão.
Em janeiro de 2008 resolvi experimentar essa modalidade de turismo, eu e minha irmã viajamos durante 17 dias de ônibus por 3 países: Argentina, Chile e Uruguai, e posso dizer que foi uma experiência maravilhosa. Viajar em grupo tem a vantagem de não precisar se preocupar com coisas do tipo: onde vou comer, reservas em hotel, passeios a fazer, etc., etc.
Agora nos feriados de 7 de setembro eu e a marina fomos a Bonito/MS, de ônibus e em grupo.
Bom ônibus, guias especializados gentis e prestativos, tudo preparado com carinho pra gente desfrutar as belezas do local.
E o que dizer de Bonito? acho que os moradores foram muito modestos ao monear a cidade, Bonito é pouco pra traduzir o que se vê, sem exageros a cidade poderia se chamar, linda, maravilhosa, espetacular. A cidade é limpa, organizada, as pessoas são gentis, as atrações turísticas estão equipadas pra bem receber o turista.Tudo com horario, guia responsável. Fiquei surpresa ao ver nas trilhas equipamentos de primeiros socorros e padiola, devidamente embrulhadas e colocadas em locais estratégicos.
As belezas naturais estão em propriedades privadas, antes utilizadas somente para criação de gado, hoje grande parte delas são reservas naturais preservadas e tombadas. É muito bom ver proprietários de terras preocupados com a preservação do meio ambiente e tudo isso sem se incompatiblizar com suas atividades produtivas. O município tem uma população de humanos de 18.000habitantes e uma população de bovinos de 450 mil cabeças.
Bonito está situado próximo da serra da Bodoquena e suas terras são ricas em calcáreo, por isso as águas são tão transparentes.
A vocação turística do município é o principal fator de preservação e de campo de trabalho. Uma fazenda de criação de gado emprega no máximo 2 pessoas. A fazenda Rio da Prata com o turismo emprega muitas pessoas, 34 são os funcionários que moram na fazenda, sem contar com guias, motoristas, etc.
As atrações são muitas, caminhadas, cavalgadas, flutuação, rapel, mergulho, descida de corredeiras em bote ou bóia, visita a cavernas, etc.
bonito é bonito, vale a pena!!!!!

This entry was posted on 16:09 and is filed under , , , , . You can leave a response and follow any responses to this entry through the Assinar: Postar comentários (Atom) .

2 comentários

Postar um comentário